Frete grátis em comprar acima de R$ 300,00
Carrinho (0) Fechar

Nenhum produto no carrinho.

Carrinho (0) Fechar

Nenhum produto no carrinho.

Home Serra Catarinense Serra Catarinense: Urubici, a cidade de cartão postal

Serra Catarinense: Urubici, a cidade de cartão postal

pedra furada - Urubici

Urubici já foi descrita como “a cidade mais bonita da Serra Catarinense”.  Com cascatas de 100 metros de altura, cânions de perder a vista, campos de araucárias, fazendas centenárias e inúmeras quedas de água (82 para sermos mais precisos!), a cidade se destaca por suas belezas dignas de figurar em cartões portais.

Prova disso é o fato de que a natureza do município é considerada Patrimônio da Humanidade pela Unesco, fazendo parte da Reserva Mundial da Biosfera da Floresta Atlântica.

Incluída no chamado “Caminho das Neves”, que reúne as cidades mais frias da Serra, Urubici já registrou uma das temperaturas mais baixas de sempre no país – 17 ºC negativos. No inverno, geralmente neva e o vento constante dá a sensação de frio ainda mais intenso.

Mas o que visitar entre tantas coisas belas em solo urubiciense? Neste post, dando continuidade à nossa série dedicada à Serra Catarinense, reunimos as atrações e os pontos de visitação imperdíveis em Urubici para ajudar você a planejar a sua próxima viagem. Pronto para mais este destino? Vem com a gente!

 

Um pouco sobre Urubici

Há duas hipóteses para a origem do curioso nome desta localidade catarinense. “Uribici” pode ter derivado de um termo da língua geral paulista, “urubysy”, que significa “fileira de urubás” (uruba, urubá + ysy, fileira). A outra hipótese é que o vocábulo deriva do termo tupi “urubuysy”, que significa “fileira de urubus” (urubu, urubu + ysy, fileira).

Com cerca de 11 mil habitantes, Uribici está situada a apenas 172 km da capital Florianópolis. O acesso se dá pelas rodovias SC-430, que liga o município à rodovia BR-282 em Bom Retiro. Pelo Sul, há SC-430, que liga a São Joaquim e Bom Jardim da Serra. Já ao leste, a SC-439 desce a serra, chegando ao município de Grão-Pará, em ligação com a BR-101 em Tubarão.

Em relação ao passado, Uribici tem muita história para contar – inclusive em inscrições rupestres de aproximadamente 4 mil anos, que podem ser visitadas até os dias de hoje. Segundo historiadores, 1711 é importante para a cidade, pois foi nesse ano que, sob as ordens do rei D. João V, os jesuítas aqui chegaram, procurando minas e catequizando os índios xoclengues que aqui habitavam.

Já no início do séc. XX, de olho na fertilidade no solo do vale do rio Canoas, chegaram à região inúmeros imigrantes italianos, alemães e letões, que passaram a se dedicar à agricultura e à pecuária, as principais atividades econômicas da região até os dias de hoje.

A seguir, veja dicas do que incluir no seu roteiro.

 

Morro da Igreja

Situado a 26 km do centro da cidade, esta é uma atração obrigatória para quem visita Urubici. Com 1822 m de altitude, o Morro da Igreja é o ponto mais alto habitado da Serra Geral.

Por isso, todos os anos, no inverno, há ocorrência de neve, e mesmo no verão as temperaturas são mais frias. O local abriga uma base de monitoramento aéreo para os estados de Santa Catarina e de Rio Grande do Sul e ali foi instalada uma base pela aeronáutica brasileira.

A vista de cima do morro é de perder o fôlego – dá para ver boa parte do litoral sul catarinense. Destaque vai para a Pedra Furada, um dos cartões postais da cidade, com uma abertura de 30 metros de circunferência que é uma verdadeira obra de arte esculpida pela natureza durante milhares de anos.

Não se paga nada para entrar, mas, devido à quantidade de vagas de estacionamento limitadas, é preciso retirar autorizações de visitação na sede do Parque Nacional de São Joaquim (Av. Pedro Bernardo Warmling, n.º 1542), em Urubici. Não se esqueça de levar água e vestir roupas confortáveis durante a visita.

 

Trilha da Pedra Furada

A Trilha da Pedra Furada é o programa ideal para os amantes da aventura. Em cerca de 6 km de extensão (ida e volta), o objetivo é explorar uma formação rochosa que fica nas proximidades do Morro da Igreja, conforme já mencionamos.

As altitudes variam de 1767 a 1583 metros, e a caminhada dura em torno de cinco horas, entremeio à natureza pouco explorada (matas, campos, penhascos).

É essencial usar calçado e vestimentas apropriados e não esquecer de água e protetor solar. Deve-se também agendar a visita, que deve ser feita sob a supervisão de guias cadastrados no Parque Nacional de São Joaquim, devido à periculosidade de alguns trechos da trilha.

 

Cascata Véu da Noiva

Outra beleza imperdível em Urubici. Trata-se de uma cachoeira por onde a água, que escore por uma parede de pedra, parece formar o véu de uma noiva. Situada em propriedade particular (que cobra R$5,00 pela entrada), a cascata fica a 29 km da cidade, por um caminho de asfaltado (exceto cerca de 800 metros que devem ser percorridos dentro da propriedade).

Os visitantes podem aproveitar a visita para praticar tirolesa e percorrer trilhas. A propriedade também oferece restaurante e pousada. Entre em contato no 49-3236-1110.

 

Cachoeira do Rio dos Bugres

Ao se deparar com fotos da Cachoeira do Rio dos Bugres, fica fácil entender por que esta é considerada a cidade mais bela da Serra Catarinense.

Mais alta (e mais bonita) queda d’água de Urubici, com 220 m de altura, esta beleza natural está estruturada em um paredão de arenito com uma grande gruta na parte inferior.

A 25 km do centro da cidade, o acesso não é dos mais fáceis. Para visitar a parte de baixo, é necessário percorrer uma longa caminhada de 12 km (ida e volta) de dificuldade média, passando pelo leito do rio Bugres. Já a parte de cima é acessível somente com camionetas 4×4.

 

Igreja matriz Nossa Senhora Mãe dos Homens

Esta é uma das muitas surpresas positivas que Uribici oferece ao visitante. Dona de uma arquitetura de estilo gótico, a Igreja Nossa Senhora Mãe dos Homens é uma das maiores do estado e foi construída graças às doações e ao empenho da comunidade local.

Rodeada por uma bela praça, a igreja possui quatro entradas iguais.

Inspirado para programar a sua viagem? Conheça a Serra Catarinense e valorize a nossa cultura e as nossas belezas naturais.

Por hoje é tudo, mas a nossa aventura está apenas começando.  Para acompanhar os próximos destinos, siga as nossas redes sociais: clique aqui para curtir a nossa página no Facebook e no Instagram.

Fonte da foto de capa: Dreampass Experiences

Até o próximo post!

Roder Cypriano

Mateando

Post relacionado

preloader